AET

Diversos Sítios

.

.

-

-

comentários recentes

pesquisar

 
Domingo, 27 DE Fevereiro DE 2011

Intercâmbio entre os alunos do 1º ano e os alunos do 12º ano do curso de Técnicas de apoio à criança

Os alunos do 1º ano da EB1 do Pinheiral foram declamar os poemas: "A Mãe"," Rei capitão soldado ladrão" e "Tudo ao contrário", de Luísa Ducla Soares, a uma turma de Técnicas de Apoio à Criança, do 12º.

 

publicado por aet1ciclo às 23:52
Quinta-feira, 24 DE Fevereiro DE 2011

Concurso "Ler é Fixe"

Concurso "Ler é fixe"

 

Este concurso será realizado na EB 2,3, tal como em anos anteriores, durante a manhã do dia 1 de abril.

 

Regulamento

 

3º E 4º ANOS - Questões

 

1 - Cada equipa será constituída por seis elementos.

2 - As equipas devem ser formadas por alunos do 3º e 4º anos de forma equitativa sempre que seja possível.

3 - O questionário será constituído por setenta questões distribuídas da seguinte forma: Dez de Biografia/Bibliografia Trinta de interpretação Trinta de gramática/ vocabulário

4 - Cada equipa terá um crachá que a identifica.

5 - Cada equipa elege um porta-voz, e apenas ele responde às questões.

6 - Durante o jogo a ordem de resposta é feita por um botão, respondendo a equipa que accionou primeiro (só depois de ouvir a pergunta até ao fim). Se esta regra não for cumprida, a equipa será eliminada.

7 - Serão feitas diversas eliminatórias até chegar a um vencedor.

8 - Os três primeiros lugares têm direito a um livro e a um diploma de participação.

9 - Os restantes participantes têm direito a um diploma de participação.

 

Pré, primeiro e segundo anos - Ilustração

 

1 - Os trabalhos são seleccionados separadamente entre o pré-escolar e o primeiro ciclo

2 - Todas as ilustrações individuais ou colectivas têm direito a um diploma de participação.

3 - Os três primeiros lugares têm direito a um livro e a um diploma de participação

 

publicado por aet1ciclo às 00:14
Quinta-feira, 24 DE Fevereiro DE 2011

ano internacional das florestas - Concurso Descobrir a Floresta

publicado por aet1ciclo às 00:00
Quarta-feira, 23 DE Fevereiro DE 2011

Educação sexual

Este caderno foi criado para ser um recurso, à disposição dos professores titulares de turma, facilitador da implementação da Educação Sexual no 1º ciclo. Este Caderno preconiza a abordagem de cinco áreas temáticas, apresentando os objectivos e, para cada uma delas, de sugestões pedagógicas que incluem propostas de actividades e de avaliação para o desenvolvimento global de cada uma das áreas temáticas.

 

publicado por aet1ciclo às 23:45
Terça-feira, 22 DE Fevereiro DE 2011

Visita de estudo aos bombeiros voluntários das Taipas

DSC03335.JPG

Hoje dia 21 de Fevereiro, os alunos do 1º ano turma A (1), da prof. Ana Maria, no âmbito do PAA e do PES, fizeram uma visita de estudo aos bombeiros voluntários das Taipas. Os alunos aprenderam qual a função das diferentes viaturas e a forma como estão equipadas (ambulâncias de cuidados intensivos e as outras ambulâncias; carros de combate a fogos florestais ou a fogos industriais). Também perceberam que os bombeiros vestem diferentes fatos conforme o trabalho que vão executar. Gostaram imenso quando um dos colegas serviu de "cobaia", para os bombeiros exemplificarem os procedimentos, quando têm que imobilizar um doente acidentado. Foi uma visita muito enriquecedora.

EB1 do Pinheiral

publicado por aet1ciclo às 00:04
Domingo, 20 DE Fevereiro DE 2011

João, preste atenção!

João, Preste Atenção! trata da dislexia, um distúrbio de aprendizagem de origem neurológica que, assim como a João, atinge numerosas outras crianças com bom nível intelectual. Essas crianças não têm a capacidade de utilizar adequadamente alguns instrumentos básicos de comunicação, como a leitura, a escrita, a interpretação de textos ou a aprendizagem de uma 2ª língua, e acabam desmotivadas pelo baixo desempenho na escola. O livro trata do assunto de forma didática e mostra que as crianças que sofrem de dislexia são capazes, só precisam contar com o apoio dos pais e professores e serem orientadas de maneira correta.

 

Documento fornecido pela professora Cacilda

publicado por aet1ciclo às 19:44
Domingo, 20 DE Fevereiro DE 2011

«A Maior Flor do Mundo» em animação

Agora podemos deliciar-nos com esta versão animada do livro infantil de José Saramago A Maior Flor do Mundo. Produzido em 2007, o filme ganhou o prémio de melhor animação do Anchorage Internacional Film Festival e foi nomeado para os Goya deste ano na categoria de melhor curta-metragem. Saramago aparece no filme, como narrador e como personagem.

publicado por aet1ciclo às 16:05
Domingo, 20 DE Fevereiro DE 2011

A(s) Caixa(s)

Os alunos do Pinheiral foram convidados a visitar uma exposição da turma E do 12º ano da Escola Secundária das Taipas. O projeto intitula-se "A(s) Caixa(s)" e foi orientado pelo professor da disciplina de Oficina de Artes desta turma do Curso Científico-Humanístico de Artes Visuais.
O professor de Artes explicou o projeto e um grupo de alunos do 12º ano acompanhou os nossos alunos durante a visita.

Déjá vu

A menina que fez a caixa deve gostar de desfilar e gosta de moda.

Fui eu que pintei o desenho, eu pintei ao meu gosto porque eu não via bem.

Eu não gostei dos bancos porque são brancos, deviam ser doutra cor, por exemplo cor azul. Eu gostei muito porque gosto de moda.

A caixa está na entrada da escola secundária.

A Ana Dinis fez um bom trabalho porque ela gosta de moda.

Eu acho que devia ter um M de moda. Tem bancos cor azul, pano para as pessoas da moda entrarem para desfilar.

O título é: Déjá vu.

 

Leonor

 

O golo

O menino que fez a caixa foi o David Chaveiro. A menina que pintou a caixa foi a Maria Marques.

O titulo da caixa é “ O golo.”

O significado da minha caixa é um jogo de futebol, Porto contra Benfica. Eu acho que o menino que fez a caixa queria ser jogador de futebol.

A caixa é bonita porque está feita com muita perfeição. O que eu gostei mais foi das paredes porque são coloridas. O que eu gostei menos foi da bola que estava no meio do campo.

O jogador que vai marcar um golo chama-se Hulk. É o número 2 do Porto.

A caixa é quadrada e ficou na entrada da escola que andamos.

Foram vários meninos que fizeram a caixa.

A caixa tem um jogador de futebol, uma baliza, duas bolas, riscas no campo e um campo de futebol.

 

Maria

 

O sapo

Era uma vez um sapo chamado Rui. Ele comeu 10 moscas e 20 aranhas. No dia seguinte ele encontrou uma bicicleta e uma pessoa chamada Ana Luísa. A Ana Luísa não conhecia o sapo. O sapo chamava-se Rui, ele disse o nome dele. O sapo foi-se embora e a menina chamada Ana Luísa ficou muito mais triste. No dia seguinte o sapo chamado Rui, ele desapareceu da cidade. A menina foi para muito longe para encontrar o sapo chamado Rui. Ela não encontrou o sapo. No dia seguinte a menina encontrou o sapo e também ficou feliz. Viveram felizes para sempre!

Foi a Angelina Baptista que fez a caixa e é muita bonita.

 

Rebeca

 

Pedra, papel, tesoura

Eu gostei da caixa, é muito bonita. A caixa devia levar pessoas. A caixa é quadrada e tem muitas coisas bonitas. Eu pintei a caixa e fiz bem. A Patrícia foi a que fez a caixa. O nome dela é Patrícia Ribeiro. Eu pintei a caixa de cor-de-rosa e outras cores. A caixa ficou na entrada da escola secundária. E tem mais caixas na caixa. O que apresenta é a casa de banho, sala de estar, cozinha e o quarto. A minha opinião é que ficou bem feito.

Sara

Vodu

A menina que fez a caixa deve gostar muito de bonecas. Eu acho que a Jéssica Sobral fez um bom trabalho e as cores são muito bonitas. A pintora que pintou a caixa foi a Camila Marques Ferreira. A caixa tem uma boneca de pano e a boneca é engraçada. O que eu gostei menos foram os alfinetes porque eu não sabia para que serviam.

As caixas ficaram na entrada da escola Secundária. O que eu gostei mais foi das almofadas, porque eram de várias cores. O significado da caixa é uma boneca no mundo das almofadas. Eu gostei da caixa, parece que está a dormir com muitas almofadas. O nome da menina é Jéssica Sobral.

 

Camila

publicado por aet1ciclo às 01:12
Sábado, 19 DE Fevereiro DE 2011

Germinação das plantas

 

Os alunos do 1º ano turma A (1), da prof. Ana Maria, EB1 do Pinheiral, estão a trabalhar o tema dos seres vivos e por isso fizeram a experiência de colocar uma variedade de sementes em copos com algodão e água e colocaram em local com luz. Fizeram esta experiência para observarem a germinação e perceberem quais as condições que as sementes precisam para germinarem e as plantas para crescerem. Mais tarde os alunos darão notícias do que for acontecendo…  

publicado por aet1ciclo às 20:29
Sábado, 19 DE Fevereiro DE 2011

A tabuada da bicharada

publicado por aet1ciclo às 13:02
Sexta-feira, 18 DE Fevereiro DE 2011

Jogo das tabuadas

publicado por aet1ciclo às 01:42
Quarta-feira, 16 DE Fevereiro DE 2011

Segurança na internet

No dia 8 de Fevereiro abordou-se, na EB1/JI de Longos, a temática “Segurança na Internet”. Os alunos do 2º ano fizeram um pequeno trabalho de pesquisa e compilação de informação útil sobre o assunto, tendo-o posteriormente partilhado com os colegas das restantes turmas, que foram convidados especiais da sala.

Turma do 2º ano da prof. Júlia

EB1/JI de Passal (Longos)

publicado por aet1ciclo às 23:42
Quarta-feira, 16 DE Fevereiro DE 2011

A poluição (trabalho de pesquisa)

A turma do 3º ano da prof. Cristina da EB1/JI de Passal (Longos) realizou uma pesquisa sobre a poluição.

 

publicado por aet1ciclo às 23:37
Quarta-feira, 16 DE Fevereiro DE 2011

A República

Pesquisa feita pelos alunos sobre a República e montagem de placar.

 

Turma do 3º ano da prof. Cristina

EB1/JI de Passal Longos

publicado por aet1ciclo às 23:27
Quarta-feira, 16 DE Fevereiro DE 2011

Trabalhos de pesquisas

Trabalhos de pesquisa realizados pelos alunos da turma do 3º ano da prof. Cristina
EB1/JI de Passal (Longos)
publicado por aet1ciclo às 23:14
Quarta-feira, 16 DE Fevereiro DE 2011

Teatro

  

 

Para colmatar a falha das aulas de Atividade Ciência, os alunos resolveram fazer um teatrinho que os fizesse experimentar e manusear o material existente na escola, brincando.

  

 

Turma da prof. Cristina

 

EB1/JI de Passal (Longos)

 

publicado por aet1ciclo às 22:34
Quarta-feira, 16 DE Fevereiro DE 2011

Magusto na escola de Longos

Os alunos do 3º ano fizeram um trabalho que serviu para colocar as castanhas que se assaram no dia do Magusto.

No dia de S. Martinho realizaram um verdadeiro Magusto minhoto e divertiram-se muito...

 

Turma da professora Cristina

EB1/JI de Passal (Longos)

publicado por aet1ciclo às 22:10
Quarta-feira, 16 DE Fevereiro DE 2011

Dia dos namorados

Acróstico

 

Dia de S.Valentim

Inesquecível e alegre

Amoroso e carinhoso.

 

Data de muito amor

Orgulho e afecto

São hoje mais experimentados.

 

Namoro e paixão

Amor sem igual

Memorizo estes momentos

Olhando-te com admiração.

Romântico é este dia

Aumentando o nosso amor

Deixando-te feliz

Observando como me amas,

Seremos inseparáveis.

 

 

Trabalho coletivo Texto passado por Luís Carlos

Turma G7 da prof. Conceição Oliveira do 4º ano

EB1 DO PINHEIRAL

publicado por aet1ciclo às 20:47
Segunda-feira, 14 DE Fevereiro DE 2011

Dia dos namorados

14 de Fevereiro... Dia dos Namorados

O dia de S. Valentim

A origem do dia de S. Valentim está envolta em mistério, pois são variadas as lendas em seu redor. Há dois santos reconhecidos com o nome de Valentim, ou Valentinus, ambos mártires. . De entre as várias lendas, salienta-se uma que parece ser a que reúne maior consenso quanto à sua veracidade.

 Havia um padre que viveu em Roma, no século III da Era Cristã chamado Valentim. Nessa altura, o Imperador Cláudio II enfrentava grandes dificuldades na recruta de novos soldados para as suas legiões e acreditava que os melhores soldados eram os solteiros. Então, resolveu cancelar todos os noivados e proibir todos os casamentos em Roma. Valentim, que considerava essa medida uma injustiça, continuou a celebrar clandestinamente casamentos de jovens. Quando soube das acções do padre, Cláudio ordenou a sua execução.

 

Na Idade Média, em França e em Inglaterra, S. Valentim era um dos santos mais importantes. Assim, no dia 14 de Fevereiro, os jovens sorteavam os nomes dos seus pares e os papéis com os nomes eram cosidos nas mangas durante uma semana. Usar um coração na manga da camisola era sinónimo de que a pessoa estava apaixonada, ou seja, "in love".

O cartão mais antigo  que chegou até ao presente é já do século XV, de um jovem duque que estava preso em Londres e terá enviado vários poemas e bilhetes de amor à sua mulher, que estava em França.

A origem do Dia dos Namorados

Como muitas outras datas comemorativas católicas, a origem do dia está na Roma Antiga, nas festas anuais em honra do deus Luperco (protector dos rebanhos e pastores e que correspondia ao deus grego Pã) e Juno (deusa do amor), que aconteciam em meados de Fevereiro. 

No século V, estas comemorações foram incorporadas às tradições cristãs e celebradas no dia 14 de Fevereiro, em memória de São Valentim, um padre romano morto dois séculos antes. No século XVII, ingleses e franceses passaram a celebrar o Dia de São Valentim como o dia da união dos namorados.

Actualmente, na Europa e na América do Norte, comemoramos o Dia dos Namorados a 14 de Fevereiro. Mas não é assim noutros locais. Assim, por exemplo  no  Brasil, essa comemoração acontece no dia 12 de Junho, nas vésperas do dia de Santo António, o famoso santo casamenteiro.

Os Lenços dos Namorados

São diferentes os costumes conforme os locais onde se passa o dia. Tipicamente portuguesa, a tradição dos “lenços dos namorados” ou “lenços de pedidos” remonta aos séculos XVII e XVIII, existindo por todo o País, sobretudo nas regiões do Minho, Beiras, Alentejo e Açores. Terão origem nos lenços que as meninas da nobreza, em idade casadoira, bordavam, a ponto de cruz, com dizeres de amor e brasões de família, em tons de vermelho e preto, muitas vezes com lantejoulas. Na hora do baile, com o lenço enfiado no cós do vestido, a rapariga deixava que o rapaz de quem gostava apanhasse o lenço e o usasse atado ao pescoço, em sinal de amor correspondido.

Mais tarde, em meados do século XIX , as mulheres do povo passaram a adoptar o lenço, bordando-o a seu gosto, em linho ou algodão, com forma quadrada e cores variadas. Assim, a moça, quando estava próxima da idade de casar, confeccionava o seu lenço bordado. Depois, o lenço ia ter às mãos do "namorado" ou "conversado". Então, se este o usasse por cima do casaco domingueiro, colocado ao pescoço, com o nó para a frente, era sinal de início do namoro. Em caso de amor não correspondido, o lenço seria devolvido à rapariga.

A temática nestes lenços é muito variada, embora sempre relacionada com o amor, e vai desde a representação de símbolos religiosos ligados ao acto do casamento (cruz, custódia, cibório), a testemunhos de acontecimentos marcantes em determinadas épocas, como a emigração para o Brasil ou a tropa, sendo também comum verem-se nalguns lenços cestas, cântaros e pipas bordadas numa alusão às vindimas e outros trabalhos agrícolas. As raparigas também bordavam quadras, uma data, um nome, ou outros dizeres amorosos, como a palavra amor, trocando, muitas vezes, os "vês" pelos "bês". Aliás, os lenços dos namorados ficam conhecidos exactamente pelos seus erros, demonstrando a baixa escolaridade das mulheres do campo e que, por tradição, ainda se reproduzem.

Vejamos alguns desses versos que encantam pela força com que afirmam os sentimentos da rapariga:

 

Bai lenço da minha mão

Bai currer a freguesia

Bai dar em formações

Da minha sabeduria

 

Curação por curação

Amor num troques o meu

Olha que o meu curação

Sempre foi lial ó teu

 

Meu Manel bai pró Brazil

Eu tamem bou no bapor

Gardado no coração

Daquele qué meu amor

publicado por aet1ciclo às 00:23
Domingo, 13 DE Fevereiro DE 2011

...

 

Os alunos do 1º ano, da turma A (1) da prof. Ana Maria, EB1 do Pinheiral, no âmbito do concurso “ Ler é Fixe”, continuam a trabalhar os poemas de Luísa Ducla Soares. Desta vez: “Tudo ao contrário” e “O que uma criança sofre”.

publicado por aet1ciclo às 19:46
Sexta-feira, 11 DE Fevereiro DE 2011

Era uma vez...

 

Para ouvires contos de C. Perrault, Grimm, H. C. Andersen ou contos do Mundo das Fábulas clica na imagem em cima.

 

publicado por aet1ciclo às 20:19
Quinta-feira, 10 DE Fevereiro DE 2011

Testes Intermédios

 

Os testes intermédios, realizados pela primeira vez no ano lectivo de 2005/2006, são instrumentos de avaliação disponibilizados pelo GAVE e têm como principais finalidades permitir a cada professor aferir o desempenho dos seus alunos por referência a padrões de âmbito nacional, ajudar os alunos a uma melhor consciencialização da progressão da sua aprendizagem e, complementarmente, contribuir para a sua progressiva familiarização com instrumentos de avaliação externa.

 

in http://www.gave.min-edu.pt/np3/9.html

publicado por aet1ciclo às 22:29
Quinta-feira, 10 DE Fevereiro DE 2011

Já se encontra online o jornal de janeiro do Pequeno Jornalista

publicado por aet1ciclo às 11:02
Quinta-feira, 10 DE Fevereiro DE 2011

Censos vão às escolas

 

A realização das operações censitárias só é possível através da colaboração empenhada da população pelo que irá ser feita uma forte campanha publicitária com o objectivo de apelar a essa colaboração.

A população escolar dos ensinos básicos e secundário deverá constituir um agente importante para dinamizar as respostas aos Censos 2011, tanto pela compreensão da sua importância, como pela influência positiva que pode exercer sobre os pais e encarregados de educação, transmitindo-lhes essa mesma ideia de importância.

Para sensibilizar os alunos, é indispensável a colaboração dos professores. Para o efeito, em colaboração com a Equipa do ALEA (Acção Local de Estatística Aplicada — projecto conjunto da Escola Secundaria Tomaz Pelayo, da Direcção Regional de Educação do Norte e do Instituto Nacional de Estatística), foram concebidos três tipos de aulas destinadas a cada um dos grupos de população a abranger (1º ciclo do ensino básico, 2º e 3º ciclos do ensino básico, ensino secundário), sobre o tema “Os Censos vão às Escolas” com informação sobre “o que são, para que servem e como se fazem os Censos 2011”.

No final de cada aula, estão previstas pequenas tarefas que ajudam a compreender a consolidar melhor algumas das matérias tratadas.

O Ministério da Educação foi previamente consultado sobre este processo, tendo-lhe dado o seu total apoio por Despacho de Sua Excelência o Secretário de Estado da Educação.

publicado por aet1ciclo às 00:42
Quinta-feira, 10 DE Fevereiro DE 2011

Acordo ortográfico

publicado por aet1ciclo às 00:11

Jogos/Atividades

-

-

-

-

Dicionário Online

Outros sítios

-

.

.

-