Crenças, superstições e lendas da nossa terra

No dia 5 de fevereiro, vai-se realizar no nosso agrupamento a atividade "Saberes e Sabores de Tradição Popular". Estarão presentes, entre outros, o Dr. Barroso da Fonte (historiador) e o Padre Fontes (Vilar de Perdizes).
Para ser exposto na EB 2,3 elaboramos cartazes a partir da pesquisa feitas pelos alunos com os dizeres da nossa terra transmitidos oralmente (lendas, crenças, feitiços, superstições...).


Quem dá e volta a tirar ao inferno vai parar.

Se uma pessoa beber por um copo de outra, fica a saber os seus segredos.

Não se deve contar as estrelas pois faz nascer cravos.

O Rapaz que rapa a panela das papas não lhe nasce a barba.

As aranhas pequenas trazem dinheiro.

Um desejo que se pede ao ver uma estrela Cadente realiza-se.

Se fizer depilação na lua quarto minguante, os pelos crescem mais lentamente.

Abrir um guarda-chuva dentro de casa dá azar.

O noivo não deve ver a noiva com o vestido antes do dia do casamento.

Se cortar o cabelo na lua quarto crescente, este cresce mais rápido.

Se comermos o piolho das castanhas apanhamos piolhos.

Pendurar uma ferradura acima da porta trás boa sorte.

Escola do Pinheiral
publicado por aet1ciclo às 22:43